Artigos

Qual o melhor horário para o jejum?

Reversão de diabetes e pré-diabetes, tratamento de autoimunes, longevidade, síndrome do ovário policístico, apneia etc. Existem duas linhas de tratamento para alcançar o mesmo objetivo: você pode fazer a Dieta Cetogênica ou ir com jejum intermitente.

Jason Fung e Megan Ramos (IDM Program) seriam os dois especialistas mais conhecidos no uso de jejum intermitente para estas questões. Para reversão da diabetes tipo 2 sem jejum, com cetose, o especialista a ser lido é Stephen Phinney (Virta Health). Os resultados têm sido bons dos dois lados. Veja qual é a sua preferência individual e escolha sua fonte.

Mas, hoje o papo é jejum intermitente, porque de cetose já falamos intensamente por aqui.

Qual é o melhor horário para fazer jejum?

No curso de treinamento para aplicação de jejum intermitente, Megan Ramos ensina a aplicar todos os protocolos da instituição, mas deixo vocês com uma fala dela que desvenda a chave para todos os protocolos de jejum. Ela se refere à chamada OMAD (One Meal A Day – uma refeição por dia), que pode ser usada no máximo três vezes por semana, por um período entre seis meses e um ano.

“Em pacientes sem restrição – problemas cardíacos, renais ou que estão se recuperando de doenças – o ideal seria comer apenas no almoço. Mas, na sociedade atual, fica difícil com família e trabalho. Então, permitimos que a comida fique para um jantar mais cedo. Ainda, por causa da correria, os almoços atuais são muito pobres. Já o jantar tem valor emocional e pode ser mais elaborado e tranquilo. Comer apenas no café é bom para quem não tem problemas de açúcar no sangue. Tomar café da manhã é um problema nos casos de diabéticos ou de resistência à insulina, por causa do dawn effect.”

Dawn effect é o natural aumento do açúcar no sangue no período da manhã. Ou seja, corpos movidos a açúcar já têm combustível circulante o suficiente neste horário e não precisam comer mais carboidratos (açúcar).

O que vemos aqui é uma chave básica para o jejum intermitente: 

  • O problema do café da manhã é ter carboidratos nele. Fato.
  • O almoço é a grande refeição do dia. É o pico do seu metabolismo.
  • O jantar deve ser cedo, pois o corpo precisa de uma janela mínima de 3h entre comida e cama (o intestino avisa o cérebro que é hora do sono profundo, reparador, 4h após a última refeição).

Eu sou filha de Phinney e espero que você siga a Cetogênica comigo. Ou seja, jejuns prolongados se tornam desnecessários aos organismos que se mantém em cetose constante. Mas, mesmo assim, a essência do que recomendo é similar à fala de Ramos: tente almoçar bem. Respeite o corpo e coloque a natureza acima da pilha de trabalho. Ainda, o jantar é cedo. Café da manhã? Minha instrução é sempre igual: sem carbs, por favor.

Deixe um comentário

Faça login para comentar
avatar
1000