Artigos

Como saber se um alimento impacta na cetose?

Em termos gerais, um alimento impactará na cetose se ele disparar sua glicose, elevando sua insulina. Portanto, a chave está na medição da glicose. Felizmente, o mesmo aparelho que mede cetose é o que mede a glicose. Você só precisará ter ambas as fitas medidoras com você (fitas para corpos cetônicos e fitas para glicose).

Clique aqui para conhecer o aparelho medidor, o Freestyle Optium Neo

Para avaliar cada alimento separadamente, você seguirá o seguinte protocolo:

Como saber se um alimento impacta na cetose?

  1. Meça a glicose antes de comer o alimento que deseja saber se interfere na sua cetose. Seus valores ideais ficarão entre 4 e 5.5 mmol/l (ou 72 e 99 mg/dl).
  2. Coma o alimento na porção que geralmente come. É possível que o alimento não impacte a cetose, mas o tamanho da porção sim. Portanto, se o teste acusar grande elevação de glicose, tente novamente em porções menores.
  3. Aguarde de 45min a 1h. Meça a glicose novamente.

A variação entre pré e pós refeição não pode passar de 1,7 mmol/l (ou 30.6 mg/dl). Ou seja, se estava 4 mmol/l antes de comer (72 mg/dl), não pode subir para mais do que 5,7 (ou 102 mg/dl). Se passar, este alimento ou esta porção de alimento foi demais para você.

Sugestão: faça isso com café preto e adoçantes para saber sua resposta individual a eles. O “pode não pode” é altamente individual em alguns alimentos.

Observação: é fundamental você entender que a cetose será imediatamente impactada por tudo que você comer. Creio que apenas gorduras puras (bulletproof coffee) geram o efeito oposto: tomar algo que eleva a cetose. Portanto, nunca meça a cetose após a refeição. Aguarde um mínimo de 3h para medir a cetose.

2
Deixe um comentário

Faça login para comentar
avatar
1000
1 Sequência de comentários
1 Respostas nesta sequência
2 Seguidores
 
Comentário com mais reações
Comentário mais bem avaliado
2 Quantos comentaram
Juliana SzablukCristina Bracco Autores recentes
  Receba notificações por email  
novos antigos mais votados
Notificações de
Cristina Bracco
Visitante
Cristina Bracco

Juliana, tenho pensado a respeito da cetogênica em diferença a low carb.
Por todos os livros q li e pessoas q sigo q defendem a cetogênica moram ou estão em países ou cidades frias.
Quem mora no Rio, em Santos como eu q o calor ultrapassa 42 graus, vc não acha mais fácil e até coerente comer frutas, tomar uma água de côco? Claro q jamais voltaria a comer açúcar ou algo feito com farinha de trigo, mas chegar da praia num calor senegalêsco e comer bacon, carnes gordas, não vejo sentido mas sim numa carne moída, bastante saladas, legumes, e o corpo pede pelo menos 1/3 de copo de frutas.
Gostaria de saber sua opinião a respeito.
Um abraço com muito carinho
Cris Bracco