Artigos

Caldo de Ossos: mitos e fatos (quantidades e benefícios do caldo na Cetogênica)

caldo de ossos receita cetogenica low carb emagrecimento

Não há site de Dieta Cetogênica digno de ser lido que não fale sobre a importância do caldo de ossos. O caldo de ossos é especialmente importante na Keto e na Carnívora, porque é uma forma excelente de minimizar o efeito da chamada gripe cetogênica ou gripe low carb, que ocorre em ambas as dietas nas fases de adaptação. Mais ainda, evita a possível desidratação na fase inicial da Keto.

Mas, não é só isso: há vários outros benefícios que veremos ao longo do conteúdo!

Caldo de ossos – Mitos

É importante esclarecer que o caldo de ossos não é a melhor fonte de minerais, como algumas pessoas comentam. Na realidade, vegetais são incomparavelmente superiores nisso.

Portanto, a melhor forma de enriquecer seu caldo de ossos é incorporá-lo às sopas de legumes (especialmente, folhas verde escuras, se o que você busca é a suplementação de minerais).

Caldo de ossos – Fatos

A quantidade de vitaminas A e K, selênio, zinco, manganês, ferro, fósforo e cálcio no caldo é significativa (tanto que o alimento não pode ser incluído no protocolo Coimbra, por exemplo, pelo cálcio que possui).

Ainda, o caldo de ossos é a uma boa suplementação de colágeno. Ele pode ajudar na saúde das cartilagens, dos ossos, sistema imunológico, metabolismo etc.

O caldo é uma ótima fonte de aminoácidos, como a glutamina, e por isso é um aliado no tratamento de questões inflamatórias intestinais.

Quanto devo tomar diariamente?

Todo plano alimentar cetogênico contém caldo de ossos diário no primeiro mês, mas eu estenderia este prazo por mais algum tempo (dois ou três meses e sempre que a fadiga retornar).

Não é preciso tomar muito. Uma pequena dose de 50ml diária já é excelente, mas você pode tomar até uma xícara diária, claro. Prepare em grandes quantidades e coloque em pequenos potinhos ou até em formas de gelo no freezer.

A minha dica é preparar o caldo de ossos apenas com os temperos. Prepará-lo purinho vai permitir que você agregue o caldo às mais diversas receitas cetogênicas: coloque uma porção de caldo de ossos em um molho, outra na sopa de legumes, no creme de brócolis com ricota e couve, onde puder.

Quem deve tomar o caldo de ossos? Indicações gerais

  • Se você sentir cãibras, fraqueza muscular, fadiga, confusão mental e outros sintomas que acusam falta de minerais na keto e na carnívora, tome caldo e durma bastante.
  • Se você tiver problemas no trato intestinal, inflamações, dores em articulações, tome caldo e durma bastante.
  • Se você estiver perto da linda idade dos 40 anos e for mulher, troque seu suplemento de colágeno por caldo e durma bastante.
  • Se você for uma criança e tiver graves problemas de alergias, tome caldo de ossos e durma para recuperar microbiota (como minhas filhotas).
  • Se você estiver em fase de emagrecimento na cetogênica, faça o caldo de ossos, coloque na geladeira e remova a capa de gordura que se forma por cima. Guarde esta gordura e a utilize para cozinhar nos próximos dias (não descarte esta gordura, por favor!)
  • Se você estiver em fase de manutenção, pode usar gordura e caldo juntos, claro.

caldo de ossos receita cetogenica

Receita de Caldo de Ossos

Ingredientes

  • 1 kg de ossos (com tutano). Sim, pode ter a carne junto. Se possível, coloque patas, articulações e vísceras junto.
  • Temperos: sal, cebola, alho, cúrcuma, pimenta preta, manjerona, orégano etc.
  • 3 colheres sopa de vinagre de maçã
  • 2/3 da panela com água (panela sempre cheia, respeitando o limite de segurança)

Modo de Preparo:

  1. Cozinhe por 3h para bovinos ou 2h para frango na panela de pressão. Pare na metade do tempo para completar com água se a sua panela de pressão for pequena (3 ou 4 litros) ou siga direto até o fim se a panela for grande (6 ou 7 litros).
  2. Coe e sirva.

ATENÇÃO à quantidade de água para o preparo: sempre encha a panela até o limite de segurança (quase cheia de água), independentemente do tamanho da panela. O que importa é que, se a panela for pequena, você precisará completar a água no meio do processo – ou ficará sem caldo, pois ele secará no cozimento! 

Se o seu osso tinha carne junto, ótimo também. Esta carne se soltou durante o processo de cozimento. Pegue a carne e coma separadamente em outras receitas. Gosto de processar esta carne e adicioná-la aos cremes de vegetais.

Caldo de ossos no emagrecimento: um alerta

Caso você esteja fazendo a Dieta Cetogênica para emagrecimento, indico o seguinte procedimento:

  1. Prepare o caldo de ossos normalmente.
  2. Remova todo o tutano que pode ter ficado acumulado dentro dos ossos.
  3. Descarte os ossos.
  4. Caso tenha comprado ossos com carne, separe a carne em um pote para comer em outra refeição.
  5. Leve tudo que restou na panela (o líquido gelatinoso) à geladeira por algo como 12h.
  6. Após este período, uma espessa camada de gordura se formará sobre o caldo.
  7. Retire esta camada com uma colher e guarde-a.
  8. Use esta gordura como a banha, manteiga ou oliva que tu utiliza para preparar alimentos quaisquer. Porém, não tome esta gordura com o caldo (não se trata de temer a gordura, mas sim de usá-la sempre que necessária).

Vídeo | Receita Caldo de Ossos

Colo abaixo o vídeo do Paleo App, mostrando como fazer. Considero um ótimo vídeo em português mostrando a receita do Caldo de Ossos. Eu não conseguiria fazer algo melhor.

 

 

 

4
Deixe um comentário

Faça login para comentar
avatar
1000
2 Sequência de comentários
2 Respostas nesta sequência
0 Seguidores
 
Comentário com mais reações
Comentário mais bem avaliado
3 Quantos comentaram
Maiza GuerreiroJuliana SzablukFlávia Rodrigues Nunes Autores recentes
novos antigos mais votados
Flávia Rodrigues Nunes
Visitante
Flávia Rodrigues Nunes

Oi Ju, adorei o post, já havia lido sua outra postagem sobre o Caldo, essa completou ainda mais o tema. Mas, já ouvi algumas discussões sobre, o caldo tirar da cetose!
Esse fato pode ocorrer estando relacionado a quantidade consumida diariamente ou não, não pode tirar da cetose!!!
Obrigada!!!

Maiza Guerreiro
Membro
Maiza Guerreiro

Ju, cheguei a pouco tempo aqui no teu site mas já venho estudando keto há um tempo. Me tira uma dúvida: a ideia de 70% de gorduras, 20% ptna e 10% carbos é uma “fantasia”? Vc fala q usa-se mais gordura na adaptação, depois reduz-se p emagrecimento, e volta a aumentar na manutenção. Me corrija se estou falando besteira. Agradeço sua atenção desde já